Ana Paula e Shelda buscam a medalha de bronze no Guarujá

Campeã mundial, dupla do Banco Cruzeiro do Sul enfrenta as brasileiras Maria Clara/Carolina às 8h30 deste sábado

 

São Paulo – Campeãs mundiais de vôlei de praia, Ana Paula e Shelda disputam a medalha de bronze do Brasil Open, que ocorre no Guarujá (SP). A dupla do Banco Cruzeiro do Sul perdeu nesta sexta-feira a semifinal para as brasileiras Vivian/Larissa por 2 a 1 (21/17, 13/21 e 10/15), em 46 minutos, e agora enfrenta na disputa do terceiro lugar as compatriotas Maria Clara/Carolina, às 8h30 deste sábado, com transmissão ao vivo do Sportv.


Formada no final de 2007, a parceria entre Ana Paula e Shelda conquistou o Circuito Mundial deste ano com três etapas de antecipação. Com o bom desempenho no Guarujá, a dupla chegou aos 6.920 pontos e não pode mais ser alcançada por Renata/Talita, vice-líderes do ranking com 5.100 pontos.


Ana Paula e Shelda mantiveram a regularidade em 2008. A parceria subiu no pódio em seis das 14 etapas que disputou neste ano e conquistou os títulos do Aberto de Stare Jablonki, na Polônia, e dos Grand Slams de Gstaad, na Suíça, e de Klagenfurt, na Áustria.


As brasileiras também conquistaram a medalha de prata no Aberto de Seul, na Coréia do Sul, e de bronze em Adelaide, na Austrália, além do quarto lugar em Xangai, na China, e em Stavanger, na Noruega.


Aos 35 anos, Shelda se tornou a jogadora que mais vezes conquistou o Circuito Mundial, com sete títulos. Além do torneio deste ano ao lado de Ana Paula, ela foi campeã em 1997, 1998, 1999, 2000, 2001 e 2004, em parceria com Adriana Behar. Shelda também conquistou duas medalhas de prata olímpicas, em Sydney/2000 e Atenas/2004.


Já Ana Paula, de 36 anos, conquistou o Circuito Mundial pela segunda vez. A jogadora já havia sido campeã da competição em 2003, jogando com Sandra Pires. A carreira vitoriosa nas areias veio depois de uma trajetória de sucesso nas quadras. Defendendo a seleção brasileira, ela conquistou a medalha de bronze na Olimpíada de Atlanta/1996.


O título de Ana Paula e Shelda é o 14º do Brasil em 16 edições do Circuito Mundial feminino. Somente as norte-americanas Reno/Kirby, em 1992, e as bicampeãs olímpicas Wash/May, em 2002, quebraram a hegemonia verde-amarela.


Alison e Bernardo não tiveram um bom desempenho nesta sexta-feira na etapa do Guarujá. A dupla do Banco Cruzeiro do Sul perdeu seus dois confrontos e foi eliminada da competição.


A jovem parceria perdeu pela manhã para os brasileiros Pedro/Harley por 2 a 1 (21/15, 17/21 e 10/15), em 55 minutos, pelas oitavas-de-final. A derrota fez Alison e Bernardo caírem para a repescagem, onde perderam para os suíços Laciga/Schnider por 2 a 0 (21/23 e 14/21), em 39 minutos, e terminaram a etapa em nono lugar.

 

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: