Que pena, quase deu para Edinanci!

* Danielle Zangrando

No penúltimo dia da participação do judô brasileiro nos Jogos Olímpicos de Pequim, na categoria meio-pesado, Edinanci Silva (-78 kg) fez bonito e chegou muito perto do pódio chinês. Mas a medalha acabou escapando. Que pena!

O título e uma das últimas esperanças de medalha de ouro olímpica, Luciano Côrrea (-100 kg), foi derrotado na primeira luta pelo campeão europeu, o holandês Henk Gol por ippon.O holandês chegou na semifinal e Côrrea voltou para o tatame para lutar na repescagem. Teve dificuldade, mas venceu o medalhista de bronze em Atenas/2004, o israelense Ariel Zeevi, a um minuto do final. Na luta seguinte, Luciano deu adeus ao sonho olímpico ao perder para o polonês Przemyslaw Matyaszek por ippon.

Já a paraibana Edinanci Silva, bronze nos Mundias de 1997 e 2003, a única judoca brasileira a participar de quatro edições de Jogos Olímpicos, foi derrotada, na estréia, pela espanhola Esther San Miguel por yuko. Na repescagem, passou fácil pela russa vice-campeã européia Vera Moskalyuk. Encheu o placar de pontos com os seus golpes, o que aumentou sua confiança para a luta seguinte.

Com muita personalidade, força e disposição, Edinanci derrotou a italiana Lucia Morico. Nem precisou de dois minutos de luta para isso. E na final da repescagem enfrentou a mongol Lkhamdegd Purevjargal e também venceu fácil por ippon.

Mas na disputa da medalha de bronze, Edinanci foi surprendida pela coreana Gyeongmi Jeong com um maki-komi (técnica de quadril) e uma imobilização por 25 segundos. Perdeu a luta e terminou o torneio olímpico em 5° na sua categoria.

As lutas que começam na madrugada dessa sexta-feira marcam o fim das disputas do judô nos Jogos Olímpicos de Pequim. João Schlinter, medalhista de bronze no Mundial do ano passado, tem tudo para brilhar e conquistar mais uma medalha olímpica.

Boa sorte, João! Fica a nossa torcida.

Danielle Zangrando

Danielle Zangrando, de 28 anos, é judoca da equipe do Banco Cruzeiro do Sul. Já disputou Olimpíada e sabe a sensação. Desta vez, estará aqui no Brasil como comentarista da Globo e do SporTV. Danielle confessa seu amor ao esporte e ao judô.

Anúncios

Tags: , , , , ,


%d blogueiros gostam disto: